Os deputados Roberto Costa (MDB) e Cleide Coutinho (PDT) apresentaram uma Indicação em conjunto, solicitando ao reitor da Universidade Estadual do Maranhão (Uema) que seja implantado Sistema de Bonificação que atribua 20% aos pontos obtidos no vestibular da instituição, especificamente para vestibulandos residentes no Maranhão.
A proposta é similar ao projeto do deputado estadual Marco Aurélio (PCdoB), que cria a Bonificação Regional para estudantes oriundos de escolas do Maranhão para o ingresso na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), onde já foi até reconhecida a legitimidade e legalidade da decisão pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da UFMA.
Cleide Coutinho explicou que o fato de alunos de outros estados serem aprovados e estudarem no Maranhão traz grande prejuízo para os jovens maranhenses, ao tentarem conseguir uma vaga na universidade.
“Faço questão de repetir que admiro muito o povo de Teresina, no Piauí, que é um povo estudioso e batalhador. Mas naquele primeiro vestibular que funciona até hoje na nossa antiga casa de saúde, que Humberto Coutinho vendeu para José Reinaldo, só teve um aluno de Caxias que, por coincidência, foi a minha sobrinha, Carmosina Coutinho. Os demais, a maioria era do Piauí. Quer dizer, muitos já foram embora, abandonaram o curso”, assinalou a parlamentar.
Roberto Costa destacou que a indicação aprovada e aceita pelo reitor da Uema, professor Gustavo Pereira da Costa, será uma vitória garantida para o futuro de milhares de maranhenses.
“Ratifico o que a deputada Cleide Coutinho expôs. Infelizmente, muitos vestibulandos que estão na Uema e não são maranhenses, formam-se e deixam o nosso estado desassistidos por seu profissionalismo, o que achamos desleal. Logo, apoiamos a bonificação para vestibulandos maranhense Destaco ainda que essa vitória garantirá o futuro de milhares de maranhenses”, disse Roberto Costa.
O parlamentar ainda ressaltou que “a proposta é especificamente para alunos que tenham cursado o  9º ano do Ensino Fundamental e o Ensino Médio (1º, 2º e 3º anos) em escolas públicas ou privadas deste Estado e optem pela graduação em qualquer um dos campi da Uema”, concluiu
Portal MA+ no Facebook — Instagran  — Twitter WhatsApp 98434-6482