O cantor Léo Cachorrão que se envolveu numa confusão com o deputado estadual Fábio Macedo (PDT-MA) divulgou esclarecimento nas redes sociais no qual nega uma versão que está sendo divulgada de que o cantor estaria devendo R$ 150 mil ao parlamentar.
Segundo o cantor, o motivo da confusão foi o fato dele ter negado o microfone ao deputado Fábio Macedo para que ele subisse ao palco para cantar. Léo Cachorão diz que não se tratava de uma festa popular e que o público que estava no local para assistir o show da banda.
Veja o esclarecimento:

Portal MA+ no Facebook — Instagran  — Twitter WhatsApp 98434-6482