image

Em 2013, o cubano Lázaro Álvarez foi campeão mundial vencendo Robson Conceição por decisão unânime na final. Em 2015, o brasileiro deu o troco, sagrando-se campeão continental com uma vitória sobre o cubano na final.

Na Rio 2016, os dois completaram a trilogia valendo vaga na final da categoria peso-ligeiro até 60 kg. E o brasileiro prevaleceu por decisão unânime da arbitragem.

Foi uma luta duríssima, com os dois pugilistas mostrando o motivo de das credenciais.

Após sofrer no primeiro round, com p jogo cerebral do cubano, Robson não perdoou nos dois assaltos seguintes e levantou o público no Pavilhão 6 do Rio Centro. Após ser ferido com um corte no supercílio no último round, ele votou com tudo e castigou o cubano, seu maior rival na categoria.

Ele, que tinha prometido à sua filha, Sophia, a medalha como presente de aniversário, agora marca história no boxe brasileiro, trocando o bronze assegurado por, quem sabe, o ouro. (Por Josias Pereira)