O decreto para o retorno das aulas presenciais nas modalidades do 9° ano e da Educação de Jovens e Adultos EJA, foi revogado pela prefeita Irlahi Moares após 48h de sua publicação pelo município.

A decisão foi tomada em acordo com Ministério Público, Sindicato do Servidores Públicos, Conselho Tutelar, Conselho Municipal de Educação e da Secretaria de Educação.

Durante a reunião conjunta foi observado a falta de profissionais adequado para esse retorno, insuficiência de equipamento de proteção individual EPI e adequação de algumas escolas em seguir os protocolos de proteção à infecção do novo coronavirus,

A Promotora de Educação do município Dra. Fabíola Fernandes, sugeriu a prorrogação das aulas presenciais para o dia 01/10/2020, sugestão acatada por todos os participantes.