RECIFE, PE, 31.01.2012: RECIFE, PE, 31.01.2012: Obras da Arena Pernambuco onde operarios da Odebrecht, responsavel pela construcao da Arena Pernambuco, estao em greve ha seis dias. Os operarios reivindicam o pagamento da PLR e aumento no auxilio alimentacao. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress, ESPORTE) ***ESPECIAL***(Foto: Danilo Verpa/Folhapress, ESPORTE) ***ESPECIAL***
(Foto: Danilo Verpa/Folhapress) 

A situação financeira do grupo Odebrecht vem sendo discretamente acompanhada e discutida pela área econômica do Governo. A preocupação não é exatamente com a Odebrecht, mas com sua dívida superior a R$ 100 bilhões. Se a empresa não conseguir pagar esses débitos, vai atingir pesadamente o balanço dos bancos que lhe fizeram empréstimos.

E as despesas continuam altas: os 77 executivos que concordaram em fazer delações premiadas receberam, em troca de seu afastamento da empresa, a promessa de indenizações substanciais.

Enfrentando problemas e multas no Brasil e no Exterior, onde irá a Odebrecht buscar mais dinheiro?

Não é no BNDES, que já deu R$ 100 bilhões de subsídios, nos últimos nove anos, às empresas “campeãs nacionais” escolhidas pelo Governo. (Por Carlos Brickmann)