610609-970x600-1

O Brasil se tornará um país envelhecido e pobre nas próximas décadas se não avançar com urgência em políticas para reformar seu regime de aposentadorias e melhorar a qualidade da educação.

O tempo que ele tem para fazer isso se tornou curto, porque se aproxima do fim o impulso que a demografia dá ao crescimento enquanto o grupo de pessoas em idade para trabalhar cresce a um ritmo mais rápido do que o número de crianças e idosos.

Conhecida como bônus demográfico, essa fase começou na década de 70 e terminará antes de 2030, dizem especialistas. Nesse período, pessoas nascidas na explosão populacional dos anos 50 e 60 chegaram ao mercado de trabalho, e a taxa de fecundidade do país começou a declinar. (Folha de S. Paulo – Erica Fraga)