z

O TSE deve aprovar nesta semana uma orientação extra aos tribunais regionais eleitorais. Quer deixar claro que a condenação por doação irregular não torna o condenado inelegível.

Tudo dependerá da gravidade do ato.

O TSE, portanto, reforçará o entendimento de que as doações só serão ilegais se configurarem abuso de poder econômico.  Pesquisa do Estudo Geral de Meios, da Ipsos, mostrou que 77% reconhecem o poder da TV.

O percentual, porém, é quase igual aos que citaram a internet: 76%. O investimento na campanha online deve ser incrementado nesta eleição.  (Painel – Folha de S.Paulo)