28677584996_9118b62974_o

Durante a semana muito se falou da estimativa exorbitante dada por membros e aliados do PCdoB, sobre o numero de pessoas presentes na convenção realizada em Rosário, no clube do Geovanni no centro da cidade, para oficializar o candidato Willame Anceles a prefeito de Rosário.

Com números criados a fim de impressionar quem não esteve na convenção, a coligação não se preocupou com o exagero e muito menos em buscar meios tecnológico ou métodos matemático para explicar as 5 mil pessoas presentes (segundo eles).

Foi possível observar em rápida passagem pelo clube, que o mesmo possui cerca 20 metros de frente com cerca de 20 metros de fundo; baseado nessa metragem aproximada, o clube oferece um total de 400 m² de área, isso sem contar com a área construída.

Calculando o m² confortavelmente para 4 pessoas, podemos chegar a uma quantidade aproximada de 1.600 pessoas por m², menos a área construída, que diminuiria sua capacidade para 1.500 pessoas.

Outro fator implicante seria a quantidade de cadeiras levadas para o evento. Na parte coberta do clube a coligação destinou ao local 360 cadeiras, uma quantidade longe dos 5 mil anunciados no quatro cantos da cidade.

Em base rápida, a coligação do PCdoB tem entre 7 e 9 partidos, tinha ou tem cerca de 40 candidatos a vereadores, presidentes de partidos municipais, estadual e muitas outras lideranças, comprometeu de imediato 10% do publico presente no local.

Podemos até acreditar em 1.000 pessoas. Fora disso é apenas especulações.