x

O motorista de caminhão que matou 84 pessoas em Nice, na França, foi identificado pela polícia, nesta sexta-feira (15), e realizou na manhã desta sext
a (15) uma operação de busca no apartamento do suspeito.

Segundo o jornal “Nice Matin”, o local não seria o domicílio atual do homem, mas o antigo apartamento que ele dividia com a mulher e os filhos, antes de sair após denúncias de violência conjugal.

O suspeito teria origem tunisiana, 31 anos e seria pai de três filhos, segundo a imprensa francesa. Tais informações, no entanto, não foram confirmadas pelas autoridades francesas. Foi encontrado dentro do caminhão uma identidade, mas ainda não se sabe se o documento foi plantado no local pelo verdadeiro terrorista.

O suspeito exerceria a profissão de motorista e já teria cometido pequenos delitos. Sua radicalização, no entanto, teria passado desapercebida.

– Na quinta-feira (14), um motorista de caminhão atropelou uma multidão de pessoas que acompanhava os fogos de artifício em homenagem ao feriado nacional da França – o Dia da Tomada da Bastilha.

Segundo as testemunhas, o caminhão fazia ziguezagues sem parar ao longo de dois quilômetros na avenida marginal. O motorista também disparou contra as pessoas, tendo sido eliminado pela polícia. Até o momento, as autoridade reportam 84 mortos e 120 feridos, sendo que, destes, 18 estão em estado grave. Além disso, das cerca de 50 crianças hospitalizadas, duas morreram nesta sexta.

O presidente francês François Hollande classificou o atentado como um ataque terrorista.