Não é de hoje que a Linha Vermelha, via expressa que liga o Rio à Baixada Fluminense e é caminho obrigatório para quem chega ao Rio de Janeiro pelo Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, é palco de diversas ações de bandidos que promovem arrastões aos motoristas e passageiros que passam pelo local. 

Porém, agora a via foi cenário de uma imagem que tem intrigado a Polícia Militar do Rio de Janeiro. Na foto, viaturas aparecem na mira tática de um fuzil, onde um visor é acoplado ao fuzil para facilitar que o disparo acerte o alvo. De acordo com as postagens, o homem estaria na laje de uma casa, que fica às margens da via expressa, na pista sentido Centro, na altura da Maré.

Em nota enviada ao jornal Extra, a PM afirma que já tem conhecimento do fato, mas que a imagem não é recente. — “Essa postagem não é recente e o comandante da Companhia da Maré tem ciência do fato. O major Cardoso – comandante da companhia – e o Comando de Operações Especiais da PM estão planejando uma ação para prender esse indivíduo. Essa ação tem que ser meticulosa para não prejudicar os moradores da comunidade”.