A equipe maranhense Uniceuma SLZ foi a grande campeã dos Jogos Universitários Brasileiros de e-Sports (JUBs e-Sports) na modalidade Free Fire. A decisão ocorreu na quarta-feira (28), em um evento presencial, realizado em Brasília, e que não contou com a participação do público.

Com 45 horas ininterruptas de live via Twitch, a fase final do campeonato durou dois dias (27 e 28), com jogos de seis modalidades: League of Legends, FIFA21, Clash Royale, Free Fire, Poker e CS Go.

A vitória da Uniceuma SLZ foi sobre a UEPB Gaming, da Paraíba. A equipe maranhense foi composta pelos atletas Kelma Kamila, Rodrigo Eduardo, Wanderson Lucas Paiva Lima, Vinicius Costa Lopes e Miguel Fillipo. Os maranhenses foram os únicos do estado a disputar as finais do torneio.

Os JUBs e-Sports é uma variação dos Jogos Universitários Brasileiros organizado pela Confederação Brasileira do Desporto Universitário desde o ano passado. A competição foi realizada entre os dias 1º e 28 de abril, com a participação de 1.58 universitários de 136 universidades de todas as regiões do país. As semifinais e a final foram as únicas fases realizadas presencialmente, seguindo os protocolos sanitários.

Alok aposta em time maranhense

Eles são sete: Dann, Kant x, Davzin, Reizão, Rocks x, Gordin e Gagão. Sete maranhenses que apostaram o talento no Free Fire, venceram todas as partidas em uma seletiva com 11 mil competidores e se tornaram o primeiro time do DJ Alok, intitulado “Fuego”, a disputar a Liga Brasileira de Free Fire (LBFF).

O time de São Luís estreou na disputa no último dia 11 de fevereiro na Série B do campeonato. Segundo Davzin, integrante do elenco de Fuego, o time nem imaginava que o DJ pretendia montar um time próprio. “A gente já jogava juntos aqui no Maranhão, só que em campeonatos amadores. Então, o Alok fez um campeonato chamado ‘Alok Game Changer’, em que ele abriu inscrições para a comunidade e nós fomos os únicos a nos destacarmos entre 11 mil inscritos”, explicou o jogador profissional.

“Garantir a vaga no time dele foi algo que nenhum de nós esperávamos. A gente foi pra jogar o campeonato, fomos campeões da comunidade e numa live no dia da final do campeonato, ele brincou dizendo que se ninguém contratasse a gente, ele ia contratar. Uma semana depois, a equipe dele entrou em contato e surgiu o contrato”, contou Davzin.