O principal suspeito de assassinar o publicitário Diogo Campos, sobrinho do ex-presidente José Sarney, já está custodiado no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Imagens mostram Ayrton Pestana com uniforme de presidiário da Secretaria de Administração Penitenciária (Sejap) do Maranhão.

O autor do crime foi preso após se apresentar à polícia na noite de ontem (16) após o assassinato de Diogo Campos. Em seguida, foi recambiado para o Centro de Triagem de Pedrinhas, onde está no Pavilhão do bloco A, na cela 2.

Ayrton Pestana nega a autoria do crime.