O Ministério da Saúde decidiu prorrogar o prazo da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que agora segue até o dia 30 deste mês. A decisão foi tomada em razão do baixo índice de vacinação dos grupos prioritários. Até o momento, 63,53% pessoas inclusas neste público receberam a vacina. Com a prorrogação, a expectativa é de que mais 28,3 milhões de pessoas sejam vacinadas em todo o país.
Em São Luís, após ter sido interrompida por conta do “lockdown”, a 3ª fase da campanha foi iniciada no dia 18 de maio e continua até esta sexta-feira (05), priorizando crianças de 6 meses a 5 anos de idade, gestantes, puérperas até 45 dias, adultos de 55 a 59 anos, professores de escolas públicas e privadas e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.
A imunização está sendo realizada em 43 unidades de saúde e quatro escolas da rede pública. Para evitar a aglomeração de pessoas, o público está sendo dividido em dias e horários diferentes, de acordo com a ordem alfabética.
Confira o calendário:
01 e 02/06 – P, Q, R
03 e 04/06 – S, T, U, V
05/06 – X, W, Y e Z
Em nota, o secretário substituto de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Eduardo Macário, disse que, além de ser importante para reduzir complicações e óbitos em decorrência da gripe influenza, a prorrogação da campanha é “mais uma oportunidade para que os públicos de todas as fases, que ainda não se vacinaram, possam procurar de forma organizada as unidades de saúde”.
Segundo informações do site da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), a próxima etapa da campanha está prevista para começar na próxima segunda-feira (08) e tem como público alvo profissionais das forças de segurança e salvamento, caminhoneiros, profissionais de transporte coletivo, portuários, pessoas com deficiência (física, auditiva, visual, intelectual e deficiência múltipla) e retardatários.