Faca utilizada em assalto foi apreendida — Foto e Fonte: Lucas Marreiros e Andrê Nascimento/ G1 PI
Uma funcionária pública foi feira refém ao sair do trabalho no bairro Vermelha, na Zona Sul de Teresina, na manhã desta segunda-feira (18). O suspeito, identificado como Kayke Campelo de Aguiar, 25 anos, foi preso em flagrante pelas Policiais Militar e Civil em uma residência localizada no Conjunto Deus Quer, na Zona Sudeste.
De acordo com Hilton Barbosa, o chefe de investigação do 3º Distrito Policial, A vítima foi abordada por volta das 11h de segunda-feira (18), no Centro Administrativo, local onde ela trabalha.
“Ela contou que estava entrando no carro quando foi abordada e ameaçada com uma faca. O bandido a obrigou a ir até um caixa eletrônico, onde ela sacou cerca de R$ 1500. Após entregar o dinheiro ele fez com que ela o deixasse em um ponto de mototaxi e ele fugiu”, disse o investigador Hilton Barbosa.
Em depoimento à Polícia, a vítima, uma mulher de 58 anos, disse que ficou cerca de uma hora e meia sob constante ameaça. O assaltante chegou a entrar na agência bancária junto com a vítima.
O suspeito, como Kayke Hemerson Campelo de Aguiar, de 25 anos, foi preso no final da tarde de segunda pelo trabalho de busca das policiais Civil e Militar em uma residência do Conjunto Deus Quer, na Zona Sudeste da capital. Segundo a Polícia Civil, uma cicatriz no rosto do suspeito ajudou na identificação.
“A vítima já o reconheceu, e testemunhas que estavam próximo ao local onde ela foi abordada também reconheceram o suspeito. Ele nega que tenha cometido o crime, mas quando o encontramos ele estava consumindo drogas”, disse o investigador Barbosa.
No local os policiais encontraram ainda um pé de maconha e uma faca, que foi reconhecida pela vítima como a arma utilizada durante o crime. O suspeito foi conduzido para a Central de Flagrantes, no Centro de Teresina.
Portal MA+ no Facebook — Instagran  — Twitter WhatsApp 98434-6482