A primeira sessão plenária do ano na Assembleia Legislativa do Maranhão foi marcada por um bate-boca entre os deputados César Pires (PV) e Duarte Jr. (PCdoB), na manhã desta terça-feira, 5.
O parlamentar do PV fazia um discurso de boas vindas e cobrava aos novatos, de maneira generalizada, que não esquecessem no parlamento dos anseios populares que os garantiram mandatos.
Segundo ele, em breve, o governo encaminhará ao Legislativo nova proposta impopular de aumento de imposto. E pediu firmeza dos deputados de primeiro mandato na defesa do cidadão.
“Vi agora o Governo dizer que vai de novo aumentar os impostos! E como será o comportamento daqueles que defendem o consumidor aqui? Defende o consumidor de televisão, de rádio, ou defende o consumidor de fato? Porque se defender de fato vai ter que se posicionar contra, ou então não é consumidor. Aqueles que defendem a agricultura familiar vão ter que defender a agricultura familiar. Ou não vão ter que defender a agricultura familiar? Os que são contra as questões dos roubos a banco ou do segmento de consumo têm que se posicionar! Ou vai continuar submisso em relação a isso?“, declarou.
Duarte Jr. entendeu que a declaração lhe era direcionada e reagiu. Disse que o discurso do colega era bonito, mas não aplicado na prática. E citou um caso em que ele ainda era presidente do Procon, quando recebeu uma ligação de César Pires – durante uma fiscalização a um supermercado no Bequimão – pedindo “com truculência”, que a operação fosse finalizada. (Texto O Estado)