image (2)

Nesta terça-feira (19), durante um voo entre Rio de Janeiro e Londres, o bispo Marcos Klain se fingiu de fã do deputado Jean Wy
llys (PSOL-RJ) para conseguir tirar uma selfie com ele e postar a imagem no Facebook.

“(Sic) Mas eu só queria colocar minhas mãos sobre ele pra profetizar ‘ou se converte, ou morre’. O Brasil é de Jesus!!!”, escreveu o religioso que faz parte da comunidade evangélica Bíblica da Graça, do Rio de Janeiro, na legenda de foto.

Tanto a postagem homofóbica quanto o perfil do teólogo, que hoje diz morar no Chile, foram apagados por volta das 11h30 desta quarta (20), quando tinha cerca de mil compartilhamentos. A assessoria do parlamentar divulgou uma nota para imprensa sobre o episódio, explicando que o deputado é sempre solícito quando as pessoas pedem para tirar uma foto com ele.

“É algo chocante, mas mostra o nível de ódio, ressentimento e desonestidade dessas pessoas que são um exemplo claro do fundamentalismo religioso que tanto denunciamos. Os verdadeiros cristãos não pensam assim como esse bispo, que fez uma ameaça postando o próprio rosto e agora vamos entregar o print à Polícia Federal. Nossa assessoria jurídica está tomando as providências legais”, diz a nota.