Um caso suspeito de Influenza A (H1N1) foi notificado pelo município de Rosário, na Região Metropolitana de São Luís, na tarde de ontem, 24, pela secretaria municipal de saúde. O caso estar em análise pelo Laboratório Central do Estado (Lacen), para verificar se configuram algum vírus respiratório como influenza.
Como prevenir
Todos os subtipos da gripe são transmitidos da mesma maneira: pelo contato com gotículas da saliva e com secreções respiratórias de pessoas infectadas.
O vírus presente nessas partículas pode ficar ativo por horas em maçanetas, roupas, portas e outros objetos. Basta tocar em um deles e depois colocar a mão na boca ou nos olhos. Daí por que os especialistas pedem tanto para a gente lavar as mãos com frequência.
Para evitar a gripe, o ideal é se vacinar, especialmente se fizer parte dos grupos prioritários – crianças de até 6 anos incompletos, idosos, gestantes, indivíduos imunodeprimidos ou portadores de doenças crônicas…
“Tomar as doses anuais é a principal forma de prevenção”, crava Rosana. Como se fosse pouco, o imunizante diminui o risco de agravamento da doença.
No mais, vale tomar medidas básicas de proteção contra doenças no geral. Além de higienizar as mãos com água e sabão ou álcool em gel, mantenha os ambientes arejados e tape o nariz e a boca na hora de espirrar.
Indiretamente, adotar um estilo de vida saudável ajuda, porque reforça as defesas naturais do corpo. Durma bem, faça exercício e coma de maneira equilibrada.