A família do gerente do Banco do Brasil do município de Santa Luzia do Tide, localizado a 294 km de São Luís, foi vítima de um sequestro relâmpago nesta quinta-feira (11). Segundo a polícia, a mulher e os dois filhos do casal foram abordados enquanto passavam pela BR-222.
Assim que a família foi sequestrada, os criminosos ligaram para o gerente do banco, para informar sobre o sequestro. Uma quantia em dinheiro, que não foi revelada, foi pedida para o gerente para que a quadrilha pudesse liberar a família. O nome das vítimas e do gerente do banco não foram revelados.
Uma equipe da Polícia Militar foi avisada e orientou que nenhuma quantia em dinheiro fosse repassada para os criminosos. Algumas horas depois, a família foi abandonada no povoado Faísca, na zona rural de Santa Luzia do Tide. A PM realiza buscas na região para tentar localizar os bandidos.
Portal MA+ no Facebook — Instagran  — Twitter WhatsApp 98434-6482