A secretária de imprensa da Casa Branca, Sarah Sanders, afirmou nesta segunda (10) que integrantes do governo de Donald Trump entraram em contato com a família de Jair Bolsonaro após o ataque sofrido pelo presidenciável em Minas Gerais.
A afirmação foi feita após ser questionada no briefing diário da Casa Branca se o republicano ligou ou enviou alguma mensagem para a família do pré-candidato do PSL à Presidência da República.
“Eu não tenho conhecimento de que o presidente o tenha feito, mas creio que membros da administração entraram em contato”, disse, prometendo levantar mais detalhes.
Bolsonaro foi esfaqueado em Juiz de Fora, em Minas Gerais, durante ato de campanha na quinta-feira passada (6). Ele se recupera de cirurgia no Hospital Albert Einstein, em São Paulo.
O candidato brasileiro já demonstrou simpatia a Donald Trump diversas vezes. Governos estrangeiros, porém, têm por praxe não se manifestar sobre as eleições em outro país.

Siga o MA+ no Facebook — Envie sua informação para o WhastApp (98) 98434-6482